Pagina Principal
  Bairros
  WebRádio Maceió 2
  WebRádio Maceió
  Galeria de Fotos
  Ruas de Maceió
  Praças de Maceió
  Canta Alagoas (Letras)
  Cd Alagoano
  Em Verso e Prosa
  Livro de Visitas
  Fale Conosco
  Alagoas Arte e Cultura
  Vida de Artista
  Podcast
  Vida de Artista na 107
  A Palavra é ...
  Alagoas uma má notícia
  Bares e Restaurantes
  Cidadania
  Estatística do site
  Itinerário de Onibus
  Maceió, A Capital
  O Forro da WebRadio
  Onibus on line
  Prêmios e Reportagens
  Rádio - Agência
  Ruas com 2 nomes
  Ruas em Verso & Prosa
  Serraria FM 87,9
  Tempo em Maceió
  Todos os Sons
  Video Clip
  WebRadio - Player

  Gustavo Lins

  Mapa dos Bairros
  Brasão
  Bandeira
  Hino
  Links
  Praias e Lagoas
  Museus
  Logradouros
  Turismo
  Prefeitos de Maceió
  Noticias da Cidade
  Caderno 2























Untitled Document

 

Use as setas > < para navegar para direita, esquerda, para cima e para baixo.
Use o sinal + para ampliar e - para diminuir

Exibir mapa ampliado

O abairramento de Maceió
Matéria publicada na Gazeta de Alagoas em 09/06/2002

Fábia Assumpção

Desde janeiro de 2000, Maceió teve oficialmente definido em 50 o número de bairros da cidade. (Lei municipal 4952/2000). Mas, até hoje, em algumas regiões, muitas pessoas ainda fazem confusão sobre o bairro onde moram, porque desconhecem os novos limites. E, até mesmo as algumas empresas prestadoras de serviços - como companhias telefônicas, de energia e Correios - às vezes não sabem com exatidão onde estão localizados os bairros de seus clientes, causando muita confusão na entrega de correspondências e contas.
Antes da sanção da lei que definiu o novo abairramento de Maceió, eram reconhecidas como bairros apenas 25 localidades, definidas a partir da divisão censitária do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
A arquiteta Ana Paula Acioli de Alencar, do Departamento de Geoprocessamento da Secretaria Municipal de Controle e Convívio Urbano (SMCCU), explicou que o trabalho para definir o limite dos bairros de Maceió foi realizado pela equipe da prefeitura, através do extinto Instituto Municipal de Planejamento e Ações Regionais (IMPAR) com o apoio do IBGE que possuía uma divisão censitária da cidade. "Até a realização desse trabalho, não existia uma oficialização dos bairros da cidade, e o crescimento permanente da cidade não comportava mais o abairramento anterior", salientou Ana Paula.
O novo abairramento foi feito no momento em que estava sendo realizado o levantamento aerofotogramétrico da cidade, o que facilitou bastante a definição dos limites de cada bairro. Para definição desses limites foram utilizados alguns parâmetros, que podiam ser desde uma via principal a uma acidente geográfico ou um rio. Os técnicos da prefeitura também mantiveram contatos com as associações de moradores, para verificar a real divisão entre um bairro e outro.